Slide site cultural de Feijó

Flash Motor's

sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Vox Populoi: Sebastião aparece com 53% e Márcio Bittar com 47% das intenções de votos

Pesquisa Abre 9999
Os últimos números divulgados pelo Instituto de Pesquisa Vox Populi nesta sexa-feira, 24, mostram que a adesão do candidato terceiro colocado no primeiro turno das eleições para o governo do Acre, Sebastião Bocalom, pouco influenciou em favor do  Tucano Márcio Bittar, que disputa no domingo o comando do Acre para os próximos quatro anos contra o petista Sebastião Viana.
De acordo com o Instituto, o candidato a reeleição aparece com 53% dos votos validos contra 47% de Márcio Bittar. O levantamento informa que 862 pessoas foram entrevistadas entre os dias 21 a 23 de outubro.
A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral do Acre com o número AC-00068/2014.
http://www.ac24horas.com/2014/10/24/vox-populoi-sebastiao-aparece-com-53-e-marcio-bittar-com-47-das-intencoes-de-votos/

Testes de vacinas contra o ebola devem começar em dezembro

Os primeiros testes de vacinas do vírus ebola devem começar em dezembro na África Ocidental e centenas de milhares de doses poderão estar disponíveis em meados de 2015, anunciou hoje a Organização Mundial da Saúde (OMS).
“Tudo está a ser preparado para começar os testes nos países afetados ainda em dezembro”, afirmou a diretora-geral adjunta Marie-Paule Kieny, antecipando que centenas de milhares de doses poderão estar disponíveis “na primeira metade” do próximo ano.
As declarações de Marie-Paule foram feitas depois que a agência de saúde das Nações Unidas se reuniu na quinta-feira (23) a portas fechadas com peritos médicos, responsáveis de países afetados pela epidemia, empresas farmacêuticas e organizações financeiras.
Neste momento, há duas vacinas experimentais que são as principais candidatas aos testes: uma oriunda do Canadá, outra de uma empresa farmacêutica britânica. Outras cinco estão em estudo.
A diretora indicou que o plano inicial é começar pela Libéria e que há discussões para incluir Serra Leoa e Guiné-Conacri nos testes da vacina, que ainda dependem da primeira fase de ensaios clínicos em vários países europeus e africanos, em que se tentará garantir que os produtos são eficazes e seguros.
“A vacina não é uma bala mágica [contra o vírus]“, alertou Marie-Paule.

Agência Brasil
http://www.ac24horas.com/2014/10/24/testes-de-vacinas-contra-o-ebola-devem-comecar-em-dezembro/

Pastor da Assembleia de Deus sobe em poste e é eletrocutado

O Pastor da Igreja Assembleia de Deus Nova Aliança, Raimundo Pereira Lopes, 46 anos, foi vítima de um choque elétrico no final da tarde desta quinta-feira, 23, na Rua “L” no Bairro Wilson Ribeiro, em Rio Branco.
Segundo testemunhas que presenciaram o acidente, uma vizinha tinha  reclamado a Raimundo que a ligação da fiação de energia de sua casa estava dando mal contato em sua residência.
Sem título-2
Incomodado, o Pastor resolveu pegar uma escada e subir no poste, e com uma ajuda de uma corda para não se desiquilibrar se amarrou. Ao pegar o alicate e tentar ajeitar sua fiação, a vítima pegou um choque na alta tensão e caiu de uma altura aproximadamente de 7 metros.
Uma viatura do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU, 01, foi acionada e conduziu Raimundo ao Pronto Socorro de Rio Branco, em estado de saúde grave.
http://www.ac24horas.com/2014/10/23/pastor-da-assembleia-de-deus-sobe-em-poste-e-e-eletrocutado/

REMUNERAÇÃO DE PROFESSOR: Corrigir provas e lançar notas gera horas extras

O tempo destinado ao preparo de aulas e à correção dos trabalhos e provas está incluído no período remunerado de aulas ministradas pelo professor. O entendimento é da 3ª Turma do Tribunal Regional do Trabalho do Rio Grande do Sul, que mandou pagar a uma professora as horas dispendidas com correções de provas e com o lançamento das notas no site do Colégio Notre Dame, no município de Passo Fundo. O acórdão foi lavrado na sessão de julgamento do dia 31 de julho.

A sentença da 4ª Vara do Trabalho local deferiu o pagamento de duas horas extras por mês, por reconhecer como trabalho a participação da autora nas reuniões pedagógicas mensais, que tinham esta duração. O juiz do Trabalho Roberto Teixeira Siegmann indeferiu, no entanto, as horas decorrentes de participação em outros eventos — reuniões de pais e professores, eventos e festividades escolares, entrega de boletins e pareceres, atualização de notas no site da escola e demais atividades extraclasse.

Para o juiz, nas festividades não há direito a hora extra se houve compensação com folga no dia posterior. A simples convocação para as reuniões, por outro lado, não prova efetiva participação. E, por fim, a atividade de registro de notas tem sua remuneração incluída no número de aulas semanais, conforme disposto no artigo 320 da Consolidação das Leis do Trabalho.
Em segundo grau, ao analisar o caso, a relatora do recurso, desembargadora Maria Madalena Telesca, não viu provas de efetiva participação em vários eventos, assim como constatou contradições no depoimento das testemunhas nesse quesito. Estas, entretanto, foram firmes em atestar que a autora fazia o lançamento de notas no site da escola a partir de sua residência.
‘‘Ao contrário do entendimento adotado pelo magistrado de origem, entendo que o artigo 320, da CLT, não limita a remuneração dos professores à prestação das aulas. Estabelece, tão-somente, que a remuneração deve ser fixada com base no número de aulas’’, destacou a relatora.
Para ela, o artigo 67 da Lei de Diretrizes e Bases da Educação (Lei 9.394/1996) reconhece o direito dos professores a um período reservado a estudos, planejamento e avaliação, incluído em sua carga horária, citando jurisprudência assentada na turma.
‘‘Assim, por certo que a tarefa de corrigir provas e lançá-las no site da escola deve ser remunerada, até mesmo porque a facilidade oferecida pela instituição de ensino funciona como um atrativo para que os pais optem pela referida instituição na hora de escolher a escola de seus filhos, o que propicia maior vantagem econômica à reclamada’’, concluiu a relatora, determinando o pagamento de três horas mensais.
Clique aqui para ler a sentença e aqui para ler o acórdão. 


http://www.conjur.com.br/2013-ago-13/corrigir-provas-casa-lancar-notas-gera-horas-extras-professor

Jorge Viana leva caravana de apoio a Tião e Dilma a Sena Madureira, Manoel Urbano, Tarauacá e Feijó

Jorge Viana leva caravana de apoio a Tião e Dilma a Sena Madureira, Manoel Urbano, Tarauacá e Feijó
Juntamente com lideranças da Frente Popular, senador Jorge Viana participa de caminhada pelas ruas de Tarauacá - Fotos: Da Assessoria
O senador Jorge Viana (PT) colocou seu mandato e seu gabinete à disposição das demandas da juventude acreana, em especial dos jovens de Sena Madureira. Ele esteve naquela cidade na noite de terça-feira, 21, onde participou de um encontro com jovens, professores e com lideranças locais. Cerca de 200 pessoas estiveram presentes ao encontro, realizado no salão de eventos da escola Dom Júlio Matiolli.
Também participaram do evento o senador Aníbal Diniz (PT), o deputado federal reeleito Sibá Machado (PT), o deputado federal eleito Raimundo Angelim (PT), o prefeito da cidade, Mano Rufino (PR), e o vice-prefeito, Hermano Filho (PCdoB).
Jorge e os demais responderam perguntas sobre educação, questões comunitárias, mercado de trabalho e outras.
Uma das pessoas a perguntar foi Leandro da Silva Santos, coordenador da ONG Favela Viva, que atende jovens do bairro Vitória e de outros tantos da periferia de Sena Madureira. Ele fez vários questionamentos, entre eles os motivos da inexistência de centros de juventude na cidade.
“Brasileia é menor do que Sena Madureira, mas tem centro de juventude, skate park e outros aparelhos públicos de atendimento à juventude. Então, porque Sena não tem?”, questionou.
Jorge Viana: é muito importante parar para escutar a juventude, ouvir os descontentamentos de muitos e os sonhos de outros
Jorge Viana: é muito importante parar para escutar a juventude, ouvir os descontentamentos de muitos e os sonhos de outros
Jorge Viana disse que era muito importante para ele parar para escutar a juventude, ouvir os descontentamentos de muitos e os sonhos de outros.
“Eu ouvi coisas muito bonitas aqui e já falei com o companheiro Leandro que vou colocar meu mandato à disposição desse projeto que ele coordena, pois é um projeto da comunidade, de pessoas que não estão lá esperando que alguém faça”, disse.
O senador petista disse, ainda, que deve alocar, em conjunto com os demais parlamentares da bancada federal, recursos no Orçamento Geral da União, para a construção de um centro de juventude na cidade.
Jorge Viana também falou sobre outros temas durante o encontro em Sena Madureira. Ele lembrou a necessidade de se reeleger o governador Tião Viana e a presidente Dilma Rousseff, para garantir que as conquistas sociais continuem.
Já na manhã desta quarta-feira, 22, Jorge Viana e Raimundo Angelim visitaram o mercado municipal, onde conversaram com produtores e moradores. Depois ele participou de entrevistas em rádios da cidade. Em seguida, foi para Manoel Urbano e, logo após o almoço, se reuniu com lideranças da Frente Popular do município.
Já em Tarauacá, Jorge participou de uma longa caminhada pelas ruas da cidade acompanhado do deputado federal eleito Raimundo Angelim, do ex-prefeito Jasone, do prefeito Rodrigo Damasceno, da Perpétua, do Edvaldo Magalhães e dos novos deputados estaduais Jesus Sérgio e Genilson. Durante mais de uma hora puderam conversar e abraçar os moradores por onde passavam.
Em Feijó, na noite de quarta-feira, Jorge esteve no maior comício já realizado nessa cidade durante a atual campanha. Além do senador participaram também Angelim, o prefeito Merla, o ex-prefeito Francimar, o ex-prefeito Juarez Leitão, a deputada federal Perpétua Almeida, Edvaldo Magalhães, o vice-prefeito de Tarauacá Chagas Batista, o deputado estadual eleito Genilson e outras lideranças do município. Jorge saiu do comício bastante animado e confiante que agora nesse segundo turno Tião e Dilma terão uma grande vitória em Feijó, como já aconteceu no primeiro turno.
http://www.pagina20.net/politica/jorge-viana-leva-caravana-de-apoio-a-tiao-e-dilma-a-sena-madureira-manoel-urbano-tarauaca-e-feijo/

Apae cria repelente à base de óleo de andiroba para combater a dengue

Repelente natural foi lançado nesta quinta-feira, em Cruzeiro do Sul.
Município já notificou mais de 7,7 mil casos de dengue este ano.

Vanísia NeryDo G1 AC
Apae trabalha na fabricação de repelente desde julho (Foto: Vanísia Nery/G1)Apae trabalha na fabricação de repelente desde julho (Foto: Vanísia Nery/G1)
A população de Cruzeiro do Sul(AC), que vem sofrendo com a dengue desde fevereiro deste ano, ganhou um aliado no combate ao mosquito. Nesta quinta-feira (23), alunos da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) lançaram um repelente à base de óleo de andiroba contra os transmissores da dengue e da malária. A Apae trabalha na fabricação do produto natural desde julho deste ano.
O óleo da semente de andiroba (árvore nativa da Amazônia) é a principal matéria prima utilizada para a fabricação do produto. O óleo possui um sabor amargo que, segundo Manoel Bezerra de Souza, de 66 anos, responsável por ministrar o curso para os estudantes, é o principal motivo para os mosquitos não se aproximarem das pessoas que usam o repelente.
Repelentes são fabricados à base de óleo de andiroba (Foto: Vanísia Nery/G1)Repelentes são fabricados à base de óleo de andiroba (Foto: Vanísia Nery/G1)
“A matéria prima é tirar o óleo da semente da andiroba, que na região tem bastante. O óleo de andiroba é amargo, pode até mesmo ser usado puro no corpo sem as outras misturas. Isso é o principal motivo que faz os mosquitos ficarem longe”, explicou.
A técnica é utilizada por indígenas para afastar os mosquitos, eles quebram a semente e extraem o óleo.  O método foi apenas aperfeiçoado pela Fundação de Tecnologia do Estado do Acre (Funtac), que  elaborou a fórmula do repelente natural, utilizando além do óleo da andiroba na fabricação, também a glicerina, álcool de cereais e essência de eucalipto ou citronela. De acordo com Manoel Bezerra, o repelente pode ser produzido até mesmo em casa.
“Basta pegar esses produtos e misturar a quantidade certa e teremos o repelente pronto para afastar esses mosquitos. Eu aprendi essa fórmula na Funtac, e agora estou passando para os alunos na Apae e para os familiares que estão aprendendo”, afirma.
Segundo ele, a andiroba é reconhecida pelo Ministério da Saúde do Brasil como possuidora de propriedades fitoterápicas, sendo ainda um ótimo hidratante para a pele, antisséptico, anti-inflamatório e regenerador do tecido cutâneo.
Para o estudante André Ramon, de 24 anos, é uma grande alegria poder participar da oficina de qualificação profissional, mas ele lembra que além do repelente, a população tem que limpar suas residências para evitar a presença do mosquito.
André testou e aprovou o repelente (Foto: Vanísia Nery/G1)André testou e aprovou o repelente (Foto: Vanísia Nery/G1)
“Já levei esses repelentes para casa e usei. O repelente é importante para combater a dengue, porque a gente precisa ter saúde. Temos que lavar também a caixa d'água e limpar o quintal  para não ter mosquito”, alerta o estudante.
Durante o lançamento do repelente, a Secretaria de Saúde Municipal realizou palestra na Apae abordando os cuidados que devem ser tomados  para evitar a proliferação do mosquito Aedes aegypti nas casas. A secretária de saúde, Lucila Bruneta, considera fundamental o desenvolvimento do trabalho de fabricação do repelente pelos alunos da Apae.
“Isso é importantíssimo nesse momento que estamos vivendo essa epidemia, com mais de 7.700 casos confirmados de dengue. Estamos na Apae também fazendo a conscientização das famílias e damos os parabéns pela iniciativa do repelente”, parabenizou a secretária.
As oficinas de qualificação profissional oferecidas pela Apae para os alunos e pais é patrocinada pela Petrobras. Além da fabricação do repelente os alunos aprendem a fabricar sabonete e produtos artesanais com o buriti.

“Estamos lançando esse produto que vem sendo confeccionado desde o início do nosso projeto. Nesse momento estamos fazendo uma campanha de combate à dengue em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde. A Apae estará junto com a nossa comunidade nesse combate. A venda dos produtos ainda não estão acontecendo pois ainda estamos na fase de qualificação. Após dois anos de qualificação vamos montar a cooperativa e vender todos os produtos fabricados aqui”, explicou a coordenadora de projetos educacionais da Apae, Karen Carvalho.
G1

quinta-feira, 23 de outubro de 2014

No Datafolha e no Ibope, Dilma aparece pela 1ª vez à frente de Aécio no 2º turno

Ibope + Datafolha - 23.10
Pesquisas Ibope e Datafolha divulgadas nesta quinta-feira (23) mostram que a candidata Dilma Rousseff (PT) aparece pela primeira vez neste segundo turno à frente do candidato Aécio Neves (PSDB) mesmo se for levada em conta a margem de erro de dois pontos. No Ibope, Dilma tem 54% dos votos válidos e Aécio, 46%; no Datafolha, a petista tem 53% e o tucano, 47%. 


Em todos os outros levantamentos anteriores feitos pelos institutos no segundo turno havia um empate técnico dentro do limite da margem de erro entre os dois candidatos.


Para calcular os votos válidos, são excluídos da amostra os votos brancos, os nulos e os eleitores que se declaram indecisos. O procedimento é o mesmo utilizado pela Justiça Eleitoral para divulgar o resultado oficial da eleição.
Em votos totais, Dilma tem 49% e Aécio, 41% no Ibope. No Datafolha, Dilma tem 48% e Aécio, 42%.
Confira todos os números:


VOTOS VÁLIDOS
Dilma Rousseff (PT) – 54%
Aécio Neves (PSDB) – 46%



VOTOS TOTAIS
Dilma - 49%
Aécio - 41%
Branco/nulo - 7%
Não sabe/não respondeu - 5%



O Ibope ouviu 3.010 eleitores em 203 municípios entre os dias 20 e 22 de outubro. O nível de confiança é de 95%, o que quer dizer que, se levarmos em conta a margem de erro de dois pontos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o protocolo BR-01168/2014.


VOTOS VÁLIDOS
Dilma Rousseff (PT) – 53%
Aécio Neves (PSDB) – 47%



VOTOS TOTAIS
Dilma - 48%
Aécio - 42%
Em branco/nulo/nenhum - 5%
Não sabe - 5%



O Datafolha ouviu 9.910 eleitores em 399 municípios nos dias 22 e 23 de outubro. O nível de confiança é de 95%. Isso significa que, se forem realizados 100 levantamentos, em 95 deles os resultados estariam dentro da margem de erro de dois pontos prevista. A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-01162/2014.
G1

Justiça nega pedido de Bittar para retirada de matéria em que Antônia Lucia acusa coligação de ser uma “quadrilha”

A juíza auxiliar do Tribunal Regional Eleitoral do Acre, desembargadora Waldirene Cordeiro, negou o pedido da Coligação Por Um Acre Melhor, encabeçada pelo candidato ao governo do Acre, Márcio Bittar (PSDB), que solicitou a retirada de uma matéria  jornalística do Portal ac24horas na qual a deputada federal Antônia Lúcia (PSC) acusa o grupo político  de ser uma “quadrilha”, afirmando que a coligação realizou também “compra de votos”. Além da retirada da matéria, a coligação oposicionista solicitou Direito de Resposta, o que também foi negado pela justiça eleitoral.
A matéria jornalística assinada pelo editor de política do  ac24horas, Ray Melo, foi baseada no depoimento da deputada federal Antônia Lucia prestado ao Ministério Público Eleitoral no dia 15 de outubro. Um Termo de Declaração foi assinada pela parlamentar e está sob análise do MP .
Na matéria, sem citar o nome do candidato ao governo do Acre, Márcio Bittar (PSDB), Antônia Lúcia disse em depoimento que chegou a ser procurada por supostos emissários da coligação que pediam uma determinada quantia em dinheiro, para viabilizar uma lista de compra de votos. De acordo com a deputada, estas pessoas também teriam garantido eleger sua filha Gabriela Câmara, em troca de dinheiro. Por não ter aceitado as condições impostas pela “quadrilha”, a deputada disse que passou a ser boicotada nos eventos da coligação oposicionista, passando a participar apenas no encerramento dos eventos promovidos pelos 10 partidos que compõem a coligação Por um Acre Melhor. Ela  acredita que não conseguiu se reeleger porque foi expurgada do grupo de candidatos.
À reportagem do ac24horas, o procurador-chefe do Ministério Público do Acre (MPAC), Oswaldo D’Albuquerque, confirmou que encaminhou as denúncias feitas pela deputada aos promotores eleitorais.
Procurado pela reportagem do ac24horas na época, Márcio Bittar preferiu ficar em silêncio. A defesa de coligação acabou sendo feita pelo deputado Major Rocha (PSDB), afirmando que as denuncias de Antônia Lucia eram “vazias”.
Ao tomar conhecimento da ação contra o jornal, o diretor do ac24horas, jornalista Roberto Vaz, disse que a “democracia só é boa quando é a favor da oposição, justamente eles que vivem criticando os governos da Frente Popular de serem perseguidores e antidemocráticos”.
CONFIRA O TEOR DA DECISÃO DA JUIZA ELEITORAL:
“Em rápida aferição ao que foi apresentado nestes autos, não vislumbro presentes, nesta análise preliminar, os requisitos necessários à concessão de liminar – o fumus boni iuris e o periculum in mora, eis que da propaganda eleitoral impugnada (págs. 11/12), não infiro a ocorrência de possível ofensa ao candidato da representante, razão pela qual INDEFIRO  a medida liminar vindicad”, disse a magistrada.
 http://www.ac24horas.com/2014/10/23/justica-nega-pedido-de-bittar-para-retirada-de-materia-em-que-antonia-lucia-acusa-coligacao-de-ser-uma-quadrilha/